Um suposto ferimento relacionado a uma varinha de Harry Potter gera processo judicial milionário para Warner Bros.


Um suposto ferimento de Harry Potter relacionado à varinha incita um processo multimilionário com a Warner Bros. Embora seja uma das franquias de maior sucesso de todos os tempos, Harry Potter enfrentou grande controvérsia nos últimos anos. Essas controvérsias decorrem principalmente de declarações controversas da criadora de Hogwarts, JK Rowling, mas recentemente se expandiram para incluir alegações de condições de trabalho injustas de ex -figurantes de Harry Potter. 

De acordo com o processo, obtido pelo TMZ, Jessica Perry diz que comprou uma réplica da varinha de 'Potter' com função de caneta iluminada em uma loja e deu para seus filhos... apenas para acabar empalando seu filho de 3 anos. 

Jessica afirma que seu filho mais velho estava balançando a varinha - como os bruxos fazem nos filmes e livros - quando a parte de metal da caneta foi ejetada da varinha, voou pela sala e perfurou o olho do filho mais novo.

Nos documentos, ela diz que a caneta rompeu seu globo ocular, quase o deixando cego e forçando-o a passar por duas cirurgias oculares.


Harry Potter se aprofunda na controvérsia quando um suposto ferimento com a varinha coloca a Warner Bros. em um processo de US$ 8 milhões. De acordo com o TMZ, a mãe Jessica Perry está processando a empresa depois que uma réplica da varinha de Harry Potter que ela comprou machucou o olho de seu filho. 

O processo da varinha de Harry Potter explicado 

Em suas afirmações, Perry supostamente cita a varinha como “defeituosa”. Ela diz que a Warner Bros. deveria saber desse risco, pois pelo menos outra análise no site afirma problemas semelhantes. No caso de seu filho, o metal da varinha de Harry Potter acabou causando danos graves, afirma Perry, rompendo seu globo ocular e quase cegando-o. Perry disse que, mesmo depois de um processo de recuperação envolvendo cirurgias oculares e colírios dolorosos, seu filho ainda terá que proceder com cautela para evitar futuros danos à retina. 


Após esse suposto incidente infeliz com a varinha de Harry Potter, Perry está processando a Warner Bros. Ela estimou o preço em US$ 8 milhões. Essa quantia enorme cobrirá danos compensatórios pelos ferimentos físicos e sofrimento emocional de seu filho, além de danos punitivos. 

Atualmente existem centenas de produtos relacionados a Harry Potter no mercado, incluindo, desde quebra-cabeças, conjuntos de LEGO e varinhas com reputações variadas de perfurar globos oculares. Dependendo do resultado, o processo pode ser ruim para a Warner Bros., pois eles esperam entusiasmar os fãs de Harry Potter com produtos e conteúdos futuros, como a série Harry Potter da HBO. 

O TMZ entrou em contato com a Warner Bros, mas não obteve nenhuma resposta.

Compre sua Varinha de Harry Potter na Amazon -> Clique Aqui


Fontes: TMZ e ScreenRant

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Os sites Ygor Freitas Hogwarts Brasil agora tem Canais no WhatsApp 

Acesse nossos canais de Notícias e Ofertas para ficar por dentro de todas as Novidades do Mundo Mágico de Harry Potter, Filmes e Séries. Receba também as melhores Promoções e Desconto da Amazon e Shopee

-> Canal de Notícias no WhatsApp 

-> Canal de Ofertas no WhatsApp