Harry Potter: O Medalhão de Salazar Slytherin


O Medalhão de Salazar Slytherin é um dos quatro objetos mágicos que pertenceram aos fundadores de Hogwarts e que foram transformados em Horcruxes por Lord Voldemort. O medalhão era originalmente propriedade de Salazar Slytherin, o fundador da casa Sonserina, e tinha o poder de falar com cobras (ofidioglossia). O medalhão também tinha o brasão de Slytherin gravado na frente, que consistia em uma serpente prateada em um campo verde.

O medalhão foi passado de geração em geração pelos descendentes de Slytherin, até chegar a Merope Gaunt, a mãe de Voldemort. Merope era uma bruxa pobre e maltratada por seu pai e irmão, que eram fanáticos pela pureza do sangue. Ela se apaixonou por um trouxa chamado Tom Riddle, e usou uma poção do amor para fazê-lo se casar com ela. Ela engravidou dele, mas decidiu parar de dar a poção, esperando que ele a amasse de verdade. No entanto, ele a abandonou quando descobriu a verdade sobre sua origem. Merope, desesperada, vendeu o medalhão a um comerciante de antiguidades chamado Caractacus Burke por dez galeões, e morreu logo após dar à luz seu filho, que se tornaria Lord Voldemort.

Voldemort cresceu em um orfanato trouxa, sem saber de sua herança mágica. Quando ele descobriu que era um bruxo, ele foi para Hogwarts e se tornou um aluno brilhante e ambicioso, mas também cruel e manipulador. Ele se interessou pela história dos fundadores de Hogwarts, especialmente por Slytherin, e procurou por seus objetos. Ele descobriu que o medalhão estava na loja Borgin e Burkes, onde Burke havia comprado de Merope. Ele então usou seu charme e persuasão para convencer uma velha bruxa chamada Hepzibah Smith, que era cliente da loja e possuía o medalhão e uma taça de Helga Lufa-Lufa, a lhe mostrar os objetos. Ele a matou e roubou os objetos, e depois os transformou em Horcruxes, colocando uma parte de sua alma em cada um deles.

O medalhão ficou escondido por muitos anos, até que Voldemort decidiu colocá-lo em um lugar mais seguro. Ele escolheu uma caverna que ele havia visitado quando criança, e que era guardada por um lago cheio de Inferi, cadáveres reanimados por magia negra. Ele também colocou um feitiço no medalhão, que fazia com que qualquer um que o abrisse visse uma imagem de Voldemort zombando dele. Ele ainda colocou uma armadilha no lago, que fazia com que qualquer um que bebesse a água para pegar o medalhão fosse envenenado e atacado pelos Inferi. Ele levou um servo chamado Regulus Black, que era um Comensal da Morte, para ajudá-lo a colocar o medalhão na caverna. No entanto, Regulus descobriu a verdade sobre os Horcruxes, e se arrependeu de servir a Voldemort. Ele então voltou à caverna com um elfo doméstico chamado Monstro, e trocou o medalhão verdadeiro por um falso, que tinha uma mensagem escrita para Voldemort. Ele ordenou que Monstro levasse o medalhão verdadeiro para longe, e se sacrificou para os Inferi.

Monstro levou o medalhão para a casa dos Black, onde ele ficou guardado em um armário. Anos depois, Sirius Black, o primo de Regulus, herdou a casa e deu o medalhão a Mundungus Fletcher, um ladrão, como parte de um pagamento. Fletcher então vendeu o medalhão a Dolores Umbridge, uma funcionária do Ministério da Magia, que o usava como um símbolo de sua autoridade e crueldade. Harry Potter, Rony Weasley e Hermione Granger, que estavam procurando pelos Horcruxes, conseguiram invadir o Ministério e roubar o medalhão de Umbridge. Eles então tentaram destruí-lo, mas descobriram que ele era muito resistente e que tinha um efeito negativo em quem o usava, aumentando seus medos e raivas. Eles se revezavam para carregar o medalhão, enquanto procuravam por uma forma de destruí-lo.

Eles finalmente encontraram uma espada que pertencia a Godric Gryffindor, outro fundador de Hogwarts, e que tinha o poder de destruir os Horcruxes, pois estava impregnada com o veneno de um basilisco, uma cobra gigante que era descendente de Slytherin. A espada estava escondida em um lago congelado, e Harry mergulhou para pegá-la. No entanto, o medalhão tentou impedi-lo, e quase o afogou. Rony, que havia se separado dos amigos por causa do efeito do medalhão, voltou e salvou Harry, e conseguiu destruir o medalhão com a espada. O medalhão se partiu em dois, e uma parte da alma de Voldemort saiu dele, gritando. Harry, Rony e Hermione ficaram aliviados por terem destruído um dos Horcruxes, e continuaram sua missão para derrotar Voldemort de uma vez por todas.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem