Harry Potter: A magia do amor, explicada


Existem muitos feitiços de Harry Potter que os fãs da saga conhecem bem. Clássicos como Expelliarmus, Maldição da Morte ou o divertido Wingardium Leviosa são alguns dos que costumam vir à mente. Desde os mais alegres até os mais sombrios, a saga apresenta uma variedade de feitiços. No entanto, os fãs talvez não saibam muito sobre uma das formas de magia mais importantes e poderosas da saga: o amor. O amor é capaz de proteger, curar, sacrificar e vencer as trevas. O amor é o tema central da história de Harry Potter e o motivo pelo qual ele conseguiu derrotar Voldemort.

Embora possa soar como um clichê, é fato que o amor é a forma de magia mais importante no universo de Harry Potter. Sem a magia do amor, Voldemort teria se tornado um tirano invencível, que nenhum outro bruxo poderia enfrentar. Pode parecer surpreendente, mas a magia do amor é muito complexa e misteriosa. Ela envolve aspectos como a proteção, o sacrifício, a lealdade e a amizade. Ela é a força que move os personagens principais e os ajuda a superar os obstáculos. Ela é a essência da história de Harry Potter e a razão pela qual ele triunfou sobre as trevas.


Uma história de magia de amor 

Embora o amor no mundo mágico nem sempre tenha um final feliz, a magia do amor foi usada para o bem em vários momentos da história de Harry Potter. Um dos primeiros exemplos foi, na verdade, uma tentativa frustrada de Cadmus Peverell no século XII. Após perder a sua amada, ele quis ressuscitá-la usando uma das Relíquias da Morte, a poderosa Pedra da Ressurreição. Infelizmente, a mulher que ele amava voltou apenas como um espectro do que era antes. Embora a pedra em si não tenha relação direta com a magia do amor, este foi um caso em que Cadmus não soube usar a magia do amor de forma adequada em conjunto com a pedra, levando-o a tirar a própria vida. Esse episódio mostra como a magia do amor pode ser perigosa quando usada de forma egoísta ou desesperada, e como ela exige sabedoria e equilíbrio.

No século XVII, Gormlaith Gaunt lançou um feitiço sobre Isolt Sayre e James Steward, fazendo-os cair em um sono profundo e sem sonhos. Porém, o que ela não esperava era que o amor mágico que os dois nutriam pelas filhas fosse mais forte do que a sua maldição. Ao escutarem os gritos desesperados da filha mais velha, as duas vítimas conseguiram despertar da poderosa maldição, graças apenas ao poder da magia do amor. Um exemplo muito mais sombrio da magia do amor aconteceu na década de 1920, envolvendo novamente os Gaunt. Merope Gaunt usou uma poção do amor para seduzir Tom Riddle Sr., um trouxa que ela amava secretamente. Mas o seu plano teve consequências terríveis, pois ele a abandonou quando descobriu a verdade, e ela deu à luz um dos bruxos mais malignos da história, Voldemort.

Os exemplos mais famosos de magia do amor na saga são graças a Lilian Potter, que se sacrificou por seu filho. O seu amor intenso e incondicional por Harry Potter fez com que ele resistisse à Maldição da Morte, que deixou apenas uma cicatriz em sua testa. Além disso, o amor de Lilian impediu Voldemort de tocá-lo por muitos anos, causando-lhe uma dor insuportável. O amor de Lilian também foi responsável pelo retorno de seus pais e de outros bruxos que morreram nas mãos de Voldemort, quando Harry e ele se enfrentaram no final de O Cálice de Fogo. Nesse momento, ocorreu um fenômeno raro chamado Priori Incantatem, que fez com que as varinhas dos dois bruxos se conectassem e revelassem os últimos feitiços lançados por elas. Harry foi capaz de usar um poderoso feitiço de proteção semelhante ao de sua mãe para proteger seus amigos e aliados durante a Batalha de Hogwarts, quando ele se entregou a Voldemort na Floresta Proibida, acreditando que era a única forma de derrotá-lo. Depois de seu sacrifício, os feitiços de Voldemort perderam muito da sua força contra aqueles que estavam sob a proteção do amor de Harry. 

O que é magia do amor? 

Propriedades da magia do amor
• Capacidades de proteção
• Combate as artes das trevas
• Pode alterar a forma Patronus de um feiticeiro
• Normalmente ativado através de sacrifício e/ou emoção intensa 

A magia do amor não é tão abstrata quanto parece, mas ainda é um mistério para muitos. Basicamente, a magia do amor usa a forte emoção do amor como fonte de poder. Somente com o puro poder mágico, aqueles que compartilham um laço de amor podem obter benefícios extraordinários. Porém, existem outros aspectos mais obscuros da magia do amor, como as tentativas malignas de manipular esse poder, que quase sempre acabaram em tragédia. As poções do amor são um bom exemplo disso. Essas poções apenas provocam sentimentos de obsessão e paixão na pessoa que as ingere. Uma poção do amor não é capaz de gerar sentimentos verdadeiros de amor, pois nem mesmo os maiores magos e bruxas da história conseguiram dominar esse poder.

Lilian Potter (e não Tiago Potter, curiosamente) tinha um amor tão profundo e intenso por seu filho, e um domínio tão elevado da magia, que conseguiu criar sem querer uma barreira de proteção em torno de seu filho. Ela se sacrificou voluntariamente para salvar a vida de quem ela mais amava, e isso ativou a poderosa magia do amor, que permaneceu por anos até que Voldemort achasse um jeito de driblá-la. Dumbledore explica isso com mais detalhes em Harry Potter e a Pedra Filosofal:

"Sua mãe morreu para salvá-lo. Se há uma coisa que Voldemort não consegue entender é o amor. Ele não percebeu que o amor tão poderoso quanto o da sua mãe por você deixa sua própria marca. […] Quirrel, cheio de ódio, ganância e ambição, compartilhando sua alma com Voldemort, não poderia tocar em você por esse motivo. Foi uma agonia tocar uma pessoa marcada por algo tão bom.

O amor é uma das forças mais poderosas do universo mágico, capaz de resistir e combater as Artes das Trevas e as criaturas das trevas. Foi graças ao amor que Harry sentia pelos seus amigos que ele conseguiu rechaçar as investidas de Voldemort, que tentava invadir sua mente com Legilimência. Também se acredita que o amuleto do Patrono, uma das magias mais poderosas que existem, seja uma manifestação da magia do amor ou seja fortalecido por ela, pois os sentimentos de amor podem alterar e intensificar o Patrono de uma bruxa ou bruxo. O amor é uma força que não deve ser subestimada nem manipulada. Aqueles que têm más intenções e tentam se aproveitar do amor acabam sofrendo as consequências. Isso levanta questões sobre se existe alguma outra força misteriosa em ação quando a magia do amor é usada.

Qualquer um pode usar a magia do amor? 

Usuários bem-sucedidos do Love Magic:

• Lilian Potter
• Harry Potter
• A Família Sayre-Steward 

Graças à natureza da magia do amor, essencialmente qualquer pessoa tem potencial para usá-la de alguma forma. É claro que qualquer pessoa com dinheiro suficiente ou astúcia pode aproveitar o lado mais sombrio da magia do amor através do uso de poções do amor. Merope Gaunt pode ser o exemplo mais famoso disso, mas poções do amor foram destacadas em outras partes da série, especialmente em O Enigma do Príncipe. Como já foi mencionado, essas tentativas de aproveitar a magia do amor não terão resultados positivos. Embora qualquer pessoa possa usar a magia do amor, nem qualquer um será capaz de aproveitá-la em todo o seu potencial.

A chave para usar a magia do amor é ser capaz de sentir fortemente a emoção do amor, mesmo que a pessoa amada não esteja mais por perto. Dumbledore coloca isso perfeitamente em A Pedra Filosofal: 

“Ter sido amado tão profundamente, mesmo que a pessoa que nos amou já tenha partido, nos dará alguma proteção para sempre.” 

Dito isso, é importante ressaltar que o próprio Voldemort seria incapaz de usar magia do amor. Ele era incapaz de amar e não tinha como entender isso.

Fonte: GameRant

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Os sites Ygor Freitas Hogwarts Brasil agora tem Canais no WhatsApp 

Acesse nossos canais de Notícias e Ofertas para ficar por dentro de todas as Novidades do Mundo Mágico de Harry Potter, Filmes e Séries. Receba também as melhores Promoções e Desconto da Amazon e Shopee

-> Canal de Notícias no WhatsApp 

-> Canal de Ofertas no WhatsApp