Amber Heard acusa Jason Momoa de estar bêbado e “vestido à Johnny Depp” no set de “Aquaman”


Amber Heard acusa Jason Momoa de estar bêbado e “vestido à Johnny Depp” no set de “Aquaman”.

Confissão foi feita à psicóloga. Documentos foram resgatados e divulgados pelos fãs do ator.

Vale lembrar que foram as acusações de assédio e agressão de Amber Heard contra Johnny Depp que fizeram o ator perder o papel na franquia Animais Fantásticos, Spin-Off de Harry Potter. 

O julgamento de Amber Heard vs Johnny Depp desencadeou todos os tipos de paixões a favor e contra seus protagonistas. No caso da atriz, como foi revelado recentemente, chegou mesmo a custar-lhe o seu trabalho na saga de Aquaman, sendo salva por seu ex-companheiro, Elon Musk.

Amber Heard remeteu-se ao silêncio e desapareceu de Hollywood para paradeiro desconhecido. Johnny Depp prosseguiu com a sua carreira e voltou aos palcos e aos ecrãs de cinema. Mas para a legião de fãs de Depp — e que odeiam Heard por causa do tumultuoso julgamento de 2022 —, o assunto não está terminado.

Prova disso são os documentos que em setembro começaram a circular no Reddit. Documentos recolhidos no tribunal por fãs do ator, que se juntaram para pagar as taxas judiciais e obterem acesso a documentos que faziam parte do processo judicial. Em causa, documentos pessoais da terapeuta de Heard, Dawn Hughes.

As anotações, feitas num bloco de notas, descrevem um ambiente hostil no set de “Aquaman”, onde um supostamente embriagado Jason Momoa se terá vestido de Johnny Depp e terá pressionado para que Heard fosse afastada do papel de Mera. “Ele disse que queria que me despedissem. O Jason bêbado, a hora tardia no set. Vestido como o Johnny. Tem anéis nos dedos e tudo”, pode ler-se nos apontamentos.

Momoa não quis comentar o tema, mas um porta-voz da DC negou a acusação de Heard. “O Jason Momoa comportou-se de forma profissional em todos os momentos no set.”

Outros elementos da equipa reforçaram a defesa do ator. “Ele trabalha imenso, gosta de beber uma cerveja de vez em quando como todos nós, mas não aparece embriagado no set. E ele não se veste como Johnny Depp. Ele sempre se vestiu nesse estilo boémio.”

Heard não quis comentar, mas uma fonte próxima da atriz confirmou à “Variety” que as notas dizem respeito ao que aconteceu no set de “Aquaman 2” e que foram registadas numa a sessão de 27 de dezembro de 2021. Heard terá tentado bloquear a divulgação das notas da psicóloga que haviam sido solicitadas pelos advogados de Depp.

Momoa não foi o único protagonista de “Aquaman” a ser visado. Na sessão de terapia, a psicóloga descreve que Heard se sentiu desapoiada pelo realizador James Wan — e tratada como uma outsider por causa do julgamento com Depp.

“Ele [Wan] levantou a voz na minha direção: ‘Nem sequer posso publicar nada sobre o filme’. Como se isso fosse culpa minha. Eu pedi desculpa”, terá contado Heard.

A “Variety” revela também que Heard esteve prestes a ser despedida após a gravação do primeiro filme em 2018. O estúdio e Wan decidiram afastar a atriz da sequela devido à sua falta de química com Momoa e enviaram uma carta ao seu advogado, Karl Austen.

Fontes contactadas pela revista sublinham que a decisão de afastar Heard não estava relacionada com Depp e ocorreu antes de ele processar a atriz em 2019. Da mesma forma, Momoa não esteve envolvido na tomada de decisão. Mas outra fonte refutou a narrativa da falta de química e explicou que Heard fez mesmo um teste com Momoa para aferir isso mesmo, ainda antes de lhe ser dado o papel e ser escolhida pelos produtores.

No final, o estúdio decidiu não avançar com a decisão de despedir Heard porque o seu ex-namorado, Elon Musk, ordenou a um dos seus advogados para enviar uma “carta incendiária à Warner Bros. a ameaçar arrasar tudo” se a atriz não fosse chamada de volta para uma sequela, diz uma fonte conhecedora da batalha nos bastidores. 

Jason Momoa “disfarçado” como Johnny Depp 

“Jason disse que ele queria que eu fosse demitida”, afirmou Heard ao seu terapeuta, de acordo com as anotações. “Jason, bêbado, chegando atrasado ao set. Vestido como Johnny. Com os anéis também”.

Elon Musk salvou Amber Heard de demissão 

Fontes múltiplas indicam à Variety que, devido à indignação gerada contra Heard devido ao julgamento de Depp, a Warner pensou em demiti-la... mas Elon Musk entrou para o resgate.

A Variety indicou que Musk “fez com que um de seus advogados enviasse uma carta inflamada para a Warner Bros., ameaçando ‘queimá-los até os alicerces’ se sua namorada fosse demitida da sequência”.

Finalmente, Amber Heard não apenas permaneceu em Aquaman, mas também aparecerá em Aquaman e o Reino Perdido, sequência programada para dezembro deste ano. Mas os avanços indicam que terá muito pouca relevância na trama.

Veja mais sobre as polêmicas envolvendo Amber Heard (Clique Aqui)

Fontes: Nit e Metrô World News

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Os sites Ygor Freitas Hogwarts Brasil agora tem Canais no WhatsApp 

Acesse nossos canais de Notícias e Ofertas para ficar por dentro de todas as Novidades do Mundo Mágico de Harry Potter, Filmes e Séries. Receba também as melhores Promoções e Desconto da Amazon e Shopee

-> Canal de Notícias no WhatsApp 

-> Canal de Ofertas no WhatsApp