Para Daniel Radcliffe todos os diretores de Harry Potter foram importantes

 

Para Daniel Radcliffe todos os diretores de Harry Potter são importantes
Daniel Radcliffe e Diretores de Harry Potter - Foto: Reprodução/ScreenRant 

Daniel Radcliffe é o ator principal dos filmes de Harry Potter, ele interpretou o protagonista Harry na saga de JK Rowling.

Ao longo de oito filmes, Daniel Radcliffe trabalhou com vários diretores, para o ator todos foram vitais.

Refletindo sobre sua experiência, Daniel Radcliffe expressou seu apreço pelo diretor de cada um dos filmes, compartilhando que sentia que todos eles eram vitais para a franquia por razões distintas. Daniel Radcliffe trabalhou com quatro diretores nos oito filmes – Chris Columbus, Alfonso Cuarón, Mike Newell e David Yates. Radcliffe compartilhou que todos os quatro diretores trouxeram estilos e abordagens variados que, sem dúvida, contribuíram para o sucesso dos filmes de Harry Potter, bem como seu crescimento pessoal como ator.

Durante entrevista ao GQ, Daniel Radcliffe afirmou que foi "incrivelmente sortudo por ter trabalhado com todos eles. Mas honestamente, a pessoa que eu acho que teve a maior influência sobre mim de todos eles é Chris Columbus." 

Daniel Radcliffe certamente adotou uma abordagem ampla em sua carreira e atribui muito de suas experiências formativas de atuação a cada um dos diretores de Harry Potter. 



Chris Columbus 

Daniel Radcliffe notou a habilidade astuta de Columbus de manter as crianças ocupadas e felizes durante as filmagens de Harry Potter e a Pedra Filosofal. Ele elaborou: "Nós o amávamos tanto. E eu acho que uma grande parte de seu entusiasmo por estar no set é de onde eu tiro o meu e a razão pela qual eu acho que amo tanto o trabalho é em grande parte devido a ele." 

Chris Columbus foi diretor de Harry Potter e a Pedra Filosofal e também Harry Potter e a Câmara Secreta, ele também atuou como produtor de Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban. 

Alfonso Cuarón 

Daniel Radcliffe afirmou que Alfonso Cuarón "veio no momento certo para capitalizar isso [se referindo a Prisioneiro de Azkaban]". Columbus optou por não dirigir, o que permitiu que a visão mais sombria de Cuarón para a franquia tomasse forma. Após o terceiro filme, a série precisava de mais uma mudança de tom, levando à introdução de mais dois diretores. 

A opinião de Cuarón sobre o terceiro filme foi uma refrescante mudança de ritmo, o que favoreceu para o próximo Harry Potter "Cálice de Fogo". 

Mike Newell 

Mike Newell dirigiu um passeio cheio de ação. Radcliffe descreveu Newell como um "personagem bombástico e enorme, que é exatamente o que você precisava para o quarto filme e livro" . Esse compromisso foi posto à prova quando Newell quebrou as costelas no set de Harry Potter e o Cálice de Fogo, demonstrando ainda mais sua abordagem diligente. 

David Yates 

Os quatro últimos filmes da franquia foram dirigidos por David Yates, uma figura fundamental no desenvolvimento de Daniel Radcliffe como ator. 

Daniel observou que durante a produção de Harry Potter e a Ordem da Fênix, ele foi capaz de melhorar significativamente sua compreensão da atuação. Ele afirmou que "O quinto filme foi onde eu aprendi muito, particularmente trabalhando com Gary e em cenas com Gary e com David." A química de Radcliffe com Oldman foi reforçada pelo trabalho crítico nos bastidores de Yates. É evidente que Yates foi contratado como um diretor de longo prazo, pois continuou sua jornada no mundo mágico, incorporando as histórias de Harry Potter nos filmes de Animais Fantásticos. 

Fonte: ScreenRant 

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Os sites Ygor Freitas Hogwarts Brasil agora tem Canais no WhatsApp 

Acesse nossos canais de Notícias e Ofertas para ficar por dentro de todas as Novidades do Mundo Mágico de Harry Potter, Filmes e Séries. Receba também as melhores Promoções e Desconto da Amazon e Shopee

-> Canal de Notícias no WhatsApp 

-> Canal de Ofertas no WhatsApp