Co-fundador da Mumford & Sons defende JK Rowling: É nojento o que os atores de Harry Potter disseram sobre ela

 

Co-fundador da Mumford & Sons defende JK Rowling: 'É nojento' o que os atores de Harry Potter disseram sobre ela
Emma Watson, Daniel Radcliffe e Rupert Grint no especial de Harry Potter: De Volta a Hogwarts - Foto: Reprodução/HBO Max 

A autora de Harry Potter, JK Rowling enfrentou duras críticas incluindo do elenco principal de Harry Potter por defender o conceito de sexo biológico. 

O ex-tocador de banjo e co-fundador do Mumford & Sons, Winston Marshall, disse que havia uma celebridade "cancelada" por quem ele sentia uma compaixão especial antes de também ter sido alvo da máfia da cultura do cancelamento. 

"Eu tinha simpatia de antemão. Porque eu acho ultrajante o que aconteceu com ela. O nível de misoginia que ela teve que suportar. É desprezível. Se não faz seu sangue ferver, isso diz muito sobre você, eu acho", disse Marshall sobre a situação de Rowling em uma entrevista à Fox News Digital. 

"Ela não disse nada transfóbico. Tudo o que ela fez foi defender as mulheres. É terrível. O quanto ela fez por gays e lésbicas em sua história e história filantrópica é notável. O fato de ela ter que tolerar isso é ultrajante. E é nojento que esses outros atores quem ela deu uma carreira para falar sobre ela como eles fazem. É embaraçoso, francamente. É uma posição muito difícil para qualquer um desses artistas. É uma experiência muito dolorosa, perder tudo só por ter opiniões erradas, ter opiniões perfeitamente legítimas, sabe? Na verdade, eu diria opiniões compassivas, essas questões. Ela se preocupa com as mulheres, por exemplo. Ela se preocupa com as crianças, olha o que eles estão fazendo com as crianças, colocando as crianças em bloqueadores de puberdade, cirurgia irreversível. Essas crianças vão se tornar estéreis. Alguém tem que defendê-los. Alguém tem que defender as garotas que sofrem bullying nos esportes. Alguém tem que defender a verdade. E essas são questões realmente importantes."

Ralph Fiennes o Voldemort também defendeu JK Rowling 

"JK Rowling escreveu esses ótimos livros sobre empoderamento, sobre crianças pequenas se descobrindo como seres humanos. É sobre como você se torna um ser humano melhor, mais forte e mais centrado moralmente. O abuso verbal dirigido a ela é nojento, é estarrecedor. Quer dizer, eu posso entender um ponto de vista que pode ficar bravo com o que ela diz sobre as mulheres. Mas não é um fascista obsceno de extrema-direita. É apenas uma mulher dizendo: 'Sou mulher e sinto que sou mulher e quero poder dizer que sou mulher'. E eu entendo de onde ela está vindo. Mesmo que eu não seja uma mulher.” Via The New York Times.

JK Rowling, perdeu vários amigos na indústria depois de defender o conceito de sexo biológico. 

O que JK Rowling falou?

"Se o sexo não é real, não há atração pelo mesmo sexo. Se o sexo não é real, a realidade vivida pelas mulheres em todo o mundo é apagada. Eu conheço e amo pessoas trans, mas apagando o conceito de o sexo remove a capacidade de muitos de discutir suas vidas de maneira significativa. Não é ódio falar a verdade." twittou JK Rowling em 2020. 

Progressistas e figuras proeminentes a condenaram por seus comentários, incluindo alguns membros do elenco de "Harry Potter". 

Posicionamento de Daniel Radcliffe 

Daniel Radcliffe, dedicou um post de blog contra os comentários de Rowling para se posicionar com crianças trans e queer que ele disse que podem ter se identificado com seu personagem bruxo. "E então, ao vê-los feridos naquele dia, eu queria que eles soubessem que nem todos na franquia se sentiam assim. E isso foi muito importante", escreveu Daniel Radcliffe. 

Posicionamento de Rupert Grint

Rupert Grint, que interpretou Rony Weasley nos filmes de Harry Potter, dizendo “Mulheres trans são mulheres. Homens trans são homens. Todos devemos ter o direito de viver com amor e sem julgamento.” Via Deadline. 

Alfinetada de Emma Watson em JK Rowling no BAFTA 

Na ocasião, Rebel Wilson, a apresentadora da cerimônia, a anunciou. "Para apresentar o próximo prêmio, Emma Watson. Ela diz que é uma feminista, mas todos nós sabemos que é uma bruxa". Emma Watson respondeu: "Estou aqui por todas as bruxas" - com ênfase no "todas". 

Saiba mais sobre a polêmica com a comunidade trans envolvendo JK Rowling e os comentários das celebridades e atores de Harry Potter (Aqui)

Fonte: Fox News

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Os sites Ygor Freitas Hogwarts Brasil agora tem Canais no WhatsApp 

Acesse nossos canais de Notícias e Ofertas para ficar por dentro de todas as Novidades do Mundo Mágico de Harry Potter, Filmes e Séries. Receba também as melhores Promoções e Desconto da Amazon e Shopee

-> Canal de Notícias no WhatsApp 

-> Canal de Ofertas no WhatsApp