Gillian Philip é ameaçada e demitida "Passei de autora infantil a motorista de caminhão - tudo porque defendi JK Rowling"

 

Gillian Philip foi cancelada após apoiar JK Rowling

Gillian Philip já foi uma autora infantil de sucesso e agora é motorista de caminhão, ela foi abandonada há dois anos por seu agente literário e também pela empresa. O motivo foi ela ter expressado seu apoio a JK Rowling nas mídias sociais.

Como uma escritora infantil de sucesso, o último almoço de trabalho que ela havia desfrutado havia sido em um restaurante chique de Londres. Mas a vida da escritora mudou totalmente após ela expressar seu apoio a JK Rowling.

A autora de Harry Potter, JK Rowling tem sido duramente críticada pelos internautas, após expressar publicamente sua opinião sobre a comunidade trans. 

JK Rowling tem sido acusada de transfobia e duramente críticada no Twitter. Gillian usava salto alto mas agora ela usa botas com tampa de aço e dirigi um caminhão de 32 toneladas. Tudo começou dois anos atrás, quando ela foi dispensada sem cerimônia por seu agente literário e pela empresa que a havia contratado para escrever livros por mais de uma década.

Os livros de Gillian Philip vendiam muito bem, sua demissão certamente não foi por falta de talento ou diligência. A autora caiu na desgraça do cancelamento do Twitter, assim como ama multidão do Twitter por expressar apoio online à colega autora JK Rowling.

Um mês depois de apoiar publicamente as críticas da escritora de Harry Potter a uma proposta de mudança na lei, que permitiria que pessoas transgênero se identificassem como homem ou mulher sua carreira literária terminaria.

"Eu sei que é um assunto controverso que evoca muita emoção forte, mas em meus piores pesadelos eu não poderia ter previsto a devastadora consequência de adicionar a hashtag #IStandWithJKRowling à minha biografia no Twitter. Começou com mensagens online ameaçando me matar e me estuprar, passou para e-mails sendo enviados aos meus editores exigindo minha demissão e terminou, um dia depois, comigo perdendo meu sustento. Foi uma época tão assustadora. Eu estava preocupado com a minha segurança e a dos meus filhos." Disse ela em artigo publicado pelo Daily Mail.

Os chefes da editora estavam cientes da tragédia de sua família e do fato de que ela a havia deixado como a única apoiadora, tanto emocional quanto financeiramente, de seu filho e filha gêmeos adolescentes.

"Eu não me senti forte o suficiente para falar sobre a morte do meu marido na época - eu ficaria muito emocionada - e também não queria que as pessoas pensassem que eu estava jogando a simpatia cartão porque eu tinha ficado viúva. Foi uma coisa ruim acontecer comigo, mesmo que eu não tivesse acabado de perder meu marido. Com a perspectiva da distância, no entanto, estou horrorizado que eles possam ter me deixado cair naquele momento. Na época, eu não conseguia ver as coisas com clareza." 

As informações são do Jornal Britânico Daily Mail.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Os sites Ygor Freitas Hogwarts Brasil agora tem Canais no WhatsApp 

Acesse nossos canais de Notícias e Ofertas para ficar por dentro de todas as Novidades do Mundo Mágico de Harry Potter, Filmes e Séries. Receba também as melhores Promoções e Desconto da Amazon e Shopee

-> Canal de Notícias no WhatsApp 

-> Canal de Ofertas no WhatsApp