Peça de Harry Potter e a Criança Amaldiçoada deseja aos fãs feliz mês do Orgulho e se torna alvo de críticas no Twitter

 


A peça teatral de JK Rowling "Harry Potter e a Criança Amaldiçoada" desejou a todos os fãs um feliz mês do orgulho.

Harry Potter e a Criança Amaldiçoada atualmente em exibição no teatro de Nova York e em São Francisco nos Estados Unidos usou as redes sociais para desejar um Feliz Mês do Orgulho a todos os fãs.

JK Rowling a autora de Harry Potter foi duramente críticada nas redes sociais por seus comentários referente a comunidade trans.

Na última Segunda-Feira, 6 de junho as redes sociais de Harry Potter e a Criança Amaldiçoada desejaram aos fãs Feliz dia do Orgulho e foi alvo de críticas dos fãs.

No Twitter o perfil oficial publicou "Feliz mês do orgulho de todos em #CursedChild!” junto de uma bandeira do Progress Pride.

Rapidamente a rede social foi inundada de críticas, Veja:

"Harry Potter e a Audácia dessa Merda."

Até o  ator Anthony Rapp comentou, ele disse: “Este tweet é o epítome da covardia disfarçada de aliado. O máximo em sinalização de virtude."

E então ele continuou “As pessoas que produzem este programa ainda precisam condenar abertamente as palavras e atos monstruosamente prejudiciais e violentos de seu dramaturgo. Eles doarão e ampliarão organizações de direitos trans?”. Finalizou

Já Morgan Lloyd Malcolm fez uma sugestão: “Doe todo o lucro que você fizer este mês para instituições de caridade de direitos trans para neutralizar o dano que JK fez, caso contrário, isso não significa nada”.

JK Rowling não se pronunciou sobre o ocorrido até o momento.
Ygor Freitas

Executivo, apaixonado por séries e cinema, editor e redator na Hogwarts Brasil. Também curto umas paradas aí! Já se foi o disco voador facebook instagram twitter sobre mim

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Publicidades

Anúncio