Header Ads Widget

Agora

6/recent/ticker-posts

Estrela de Harry Potter discute a decisão de falar em apoio à comunidade trans durante a briga de JK Rowling


Rupert Grint o Rony disse que sentiu a necessidade de defender a comunidade transgênero depois que JK Rowling recebeu críticas generalizadas por seus pontos de vista sobre as pessoas trans.

Em junho de 2020, Rowling retuitou um artigo de opinião que discutia “pessoas que menstruam”, questionando o fato de que a história não usava a palavra mulheres.

Ela twittou para seus 14,5 milhões de seguidores: “Tenho certeza de que costumava haver uma palavra para essas pessoas. Alguém me ajude. Wumben? Wimpund? Woomud? ”

A autora então dobrou seus comentários sobre pessoas trans, compartilhando um ensaio no Twitter junto com a legenda “TERF Wars”. (Wars = Guerra em tradução direta)

A romancista enfrentou críticas de ativistas trans e com muitos fãs, incluindo Grint, falando contra a autora.

O ator, que é mais conhecido por interpretar Ron Weasley na série de filmes baseada nos livros de Harry Potter da Sra. Rowling, divulgou um comunicado após a intensa reação que a autora enfrentou em junho.

Agora Em uma entrevista recente à Esquire, o homem de 32 anos discutiu sua decisão de se manifestar, dizendo que sentia que tinha a responsabilidade de fazê-lo.

Ele disse: “Estou imensamente grato [por] tudo o que ela fez. Eu acho que ela é extremamente talentosa, e quero dizer, claramente, seus trabalhos são geniais. Mas sim, acho que você também pode ter um grande respeito por alguém e ainda discordar de coisas assim.”

O Sr. Grint disse que embora ele “não fosse uma autoridade” no debate, ele sentiu que tinha a responsabilidade de falar, já que “o silêncio é mais alto”.

“Às vezes o silêncio é ainda mais alto. Eu senti que tinha que fazer porque eu acho que era importante. Quer dizer, não quero falar sobre tudo isso ... Geralmente, não sou uma autoridade no assunto.

“Apenas por gentileza, e apenas respeitando as pessoas. Acho que é um grupo valioso que precisa ser defendido. ”

O Sr. Grint, e seus ex -co-estrelas Daniel Radcliffe e Emma Watson, inicialmente falaram em apoio aos transgêneros após os comentários da Sra. Rowling no ano passado.

O Sr. Radcliffe, que interpretou Harry Potter, disse em um comunicado ao Projeto Trevor: “Mulheres trans são mulheres.

“Qualquer declaração em contrário apaga a identidade e a dignidade das pessoas trans e vai contra todos os conselhos dados por associações profissionais de saúde que têm muito mais experiência neste assunto do que Jo ou eu.”

Emma Watson , que estrelou como Hermione Granger, twittou: “As pessoas trans são quem dizem que são e merecem viver suas vidas sem serem constantemente questionadas ou informadas de que não são quem dizem ser.

“Quero que meus seguidores trans saibam que eu e tantas outras pessoas ao redor do mundo vemos você, respeitamoa e amamos você pelo que você é.”




Postar um comentário

0 Comentários