Header Ads Widget

Agora

6/recent/ticker-posts

CONHEÇA O GRIFO, ANIMAL FANTÁSTICO DÁ SAGA HARRY POTTER


Faz 27 anos que Bicuço, o animal de estimação de Harry Potter escapou da execução graças ao feitiço chamado Vira-Tempo. No entanto, a fera de penas cor das cinzas da tempestade e olhos alaranjados não é uma criação de J. K. Rowling: o grifo é um dos animais híbridos mais antigos e complexos já adaptados da natureza pela imaginação humana.

Registrado há mais de 5 mil anos na arte do Oriente Médio, o animal místico tem corpo, cauda e patas traseiras de leão, cabeça e asas de águia, e, em algumas representações, também garras de águia nas patas dianteiras. Como na saga de Harry Potter, o grifo às vezes se mostra um guardião e em outras, um feroz predador.

Considerada uma criatura muito altiva e orgulhosa, o grifo puxava carruagens para os deuses, devorava cavalos e outros animais, ocasiões em que era considerado tanto diabólico quanto divino conforme as circunstâncias. Essas qualidades tornaram o bicho implacável, colocando-o como animal preferido de brasões em casas reais, escudos de países e times de futebol.

A primeira descrição de um grifo de que se tem notícia foi feita pelo médico e historiador grego Ctésias de Cnido no século V a.C, na qual ele explica que essas bestas guardavam o ouro nas montanhas da Índia e eram "pássaros com quatro patas, do tamanho de um lobo, com patas e garras de leão, com penas vermelhas no peito, mas pretas no resto do corpo".

Heródoto, o grande historiador grego que consultamos para conhecer a invasão persa na Grécia, tinha uma outra origem para os grifos. Eles teriam vindo de um local chamado Parafuso da Porta da Terra, onde vivia uma antiga cultura na Ásia, no extremo norte e leste da Grécia, os Issedones

No posfácio do seu livro Além do Vento do Norte, uma escritora contemporânea, a americana Gillian Bradshaw admite que, se os grifos um dia existiram, então certamente vieram da cordilheira Altai, na Mongólia, nome que significa "dourado" porque é uma das regiões mais ricas em ouro do planeta. 

Embora o símbolo da Casa Grifnória, na Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts seja um leão, o seu nome em inglês Gryffindor é uma contração da palavra "Griffin" (grifo) com "dor" que poderia vir do francês "d'or", resultando em Grifo de Ouro.

Fonte: Reprodução Mega Curioso

Postar um comentário

0 Comentários