Segredo nojento de Harry Potter é revelado por Daniel Radcliffe

Header Ads Widget

Agora

6/recent/ticker-posts

Segredo nojento de Harry Potter é revelado por Daniel Radcliffe


Em dezembro de 2020, Radcliffe apareceu no episódio final do ano de Hot Ones, o imaginativo programa do First We Feast, onde convidados famosos comem asas cada vez mais quentes com uma linha de molhos ardentes. Graças à pandemia de COVID-19, Radcliffe filmou seu segmento remotamente, comendo suas asas em um chat de vídeo.

No início do episódio, o apresentador Sean Evans perguntou a Radcliffe: “Você pode me dar um destaque e alguns detalhes quando se trata da comida que você tinha que comer no mundo de Harry Potter?”

Quase imediatamente, Radcliffe teve suas respostas.

“As cenas loucas de banquete em Hogwarts onde havia todos aqueles cafés da manhã… eu era apenas uma criança de onze e doze anos empilhando ovos fritos e bacon e salsichas e feijão cozido todas as manhãs por dias”, revelou Radcliffe, rindo.

No entanto, seu ponto baixo era definitivamente o guelricho.

“Em um dos filmes, eu tive que comer guelricho, que eu acho que era renda de alcaçuz preto”, Radcliffe relembrou.

“Ele foi projetado para se parecer com uma espécie de alga marinha subaquática que eu poderia enfiar na minha garganta com uma mão. Isso foi bem nojento. Eu me lembro que na terceira ou quarta tomada, eu estava tipo: ‘Oh, quantas mais dessas nós vamos fazer?'”

Comparado com sapos de chocolate ou penas de açúcar, guelricho já era muito desagradável, mas saber que é feito de alcaçuz preto torna ainda pior.

Postar um comentário

0 Comentários