Header Ads Widget

Agora

6/recent/ticker-posts

Harry Potter: cena emocionante foi espontânea


Harry Potter é um clássico sagrado do cinema para os seus fãs. Muitos cenas dos filmes da franquia são hoje memórias afetivas de uma geração inteira.

Muitos desses momentos foram criados de forma espontânea, fugindo à programação da direção da produção.

Em Harry Potter e a Pedra Filosofal, o produtor David Heyman revelou que a cena de despedida entre Harry e Hagrid, quando o menino volta para a casa dos tios malvados, foi um dos momentos onde a espontaneidade aflorou.

“Daniel Radcliffe estava usando essas lentes de contato para tornar seus olhos verdes e ele teve uma reação alérgica a elas (…) Seus olhos estavam vermelhos e inchados e tivemos que retirá-las – pensamos que poderíamos adicionar o verde digitalmente, embora no final decidimos não fazê-lo porque parecia artificial. Mas os olhos de Dan estavam inchados e vermelhos, e estranhamente era bastante apropriado para a cena em que ele estava se despedindo de Hagrid”.

Aí está a explicação! Os olhos vermelhos de Potter não eram lágrimas, mas uma reação alérgica.

O que veio a calhar para o momento, já que este era uma cena triste do filme, e aconteceu logo após o confronto entre Harry e o professor Quirrell.

Após anos, o elenco teve diversos momentos afetivos durante as gravações e um vínculo quase familiar.

Talvez este seja o motivo que faz os fãs desejarem ver o grupo original do filme reunido novamente. Atualmente a franquia Animais Fantásticos e Onde Habitam mata a saudade do público e uma possível volta de Harry foi descartada pela própria J.K Rowling.

Harry Potter e a Criança Amaldiçoada foi a última incursão da autora em retratar o personagem.

Quando o livro foi lançado em Londres, J.K. Rowling disse à imprensa que “Harry acabou agora”. Os rumores de uma série também foram desmentidos por Rowling e pela HBO Max, no início do ano.

Postar um comentário

0 Comentários