Header Ads Widget

Agora

6/recent/ticker-posts

Quanto Johnny Depp pode receber mesmo após demissão de Animais Fantásticos?

Johnny Depp não será mais Gerardo Grindelwald em Animais Fantásticos 3. Devido a termos contratuais, o ator ainda recebe salário mesmo sem atuar no filme. Mas, qual valor os estúdios Warner devem a Depp?

Segundo informações do The Hollywood Reporter, Depp assinou com a Warner um contrato "Pay-or-Play", ou seja, um acordo para assegurar o pagamento do ator independentemente dele atuar ou não na produção. Por causa disso, o site afirma que Johnny Depp receberá o salário integral pelo terceiro filme da franquia, cerca de US$ 16 milhões (R$ 82 milhões).

O estúdio disse novamente ter retirado Depp da produção e ter acertado a rescisão do ator. No momento, Mads Mikkelsen está em negociações para substituição no papel de Grindelwald. Até o momento dessa publicação, não há ideia do cachê de Mikkelsen.

Apesar de ser um pagamento milionário, o salário de Johnny Depp foi bem menor de trabalhos quando o ator estava no auge. Como aponta o ScreenRant, ele recebeu US$ 55 milhões e uma porcentagem dos lucros em Alice no País das Maravilhas (2010), filme em que também fez um personagem coadjuvante. 

Mads Mikkelsen substitui Johnny Depp na franquia 'Animais fantásticos'
Mads Mikkelsen ("Hannibal") vai substituir Johnny Depp como o vilão Gellert Grindelwald na série de filmes "Animais fantásticos".

A Warner Bros. Pictures anunciou a escolha pelo dinamarquês nesta quarta-feira (25), segundo a revista "Entertainment Weekly".

No começo de novembro, Depp afirmou que deixava o papel após pedido do estúdio, e depois de perder uma ação que movia contra um tabloide inglês que o chamou de "espancador de esposa".

A substituição teve de ser agilizada pelo estúdio, porque o terceiro filme da série já está em produção. O novo "Animais fantásticos" tem estreia prevista para 2022.

Depp aparece como Grindelwald nos dois primeiros capítulos da série baseada no universo de magia dos livros "Harry Potter", de J. K. Rowling.

Postar um comentário

0 Comentários