Header Ads Widget

Agora

6/recent/ticker-posts

Disney+ quer Globo como produtora dos seus conteúdos no Brasil


O Disney+ chegou no mês passado e surpreendeu o mercado ao anunciar parceria com o Globoplay, oferecendo um combo aos assinantes das duas plataformas. Essa boa relação deve ser ampliada nas próximas semanas e as produções feitas no Brasil pela empresa norte-americana podem ser feitas nos Estúdios Globo. Objetivo do conglomerado internacional é que suas séries e filmes brasileiros tenham “acabamentos” superiores ao da Netflix e Prime Video.

Segundo apurou o NaTelinha, o Disney+ irá fazer um grande investimento na América Latina e o principal mercado será o Brasil. O streaming quer ter um alto padrão de qualidade e tem como objetivo fugir do método adotado pelas suas duas principais concorrentes.

A alta cúpula da empresa americana avaliou que a Netflix e o Prime Video não conseguem manter o alto nível de produção em solo brasileiro igual tem feito em outros países – não necessariamente Estados Unidos e Reino Unido, no qual os investimentos são muito superiores. Entretanto, a dificuldade das plataformas não tem sido por falta de dinheiro, mas de experiência.

Disney vê Globo com padrão internacional

Com a proximidade com a Globo, a Disney identificou que as séries da emissora conseguem apresentar um acabamento muito próximo de países referências em TV, como Itália, Alemanha, França e Canadá. Por estar consolidado no mercado de dramaturgia há décadas, o canal tem enorme estrutura e equipe capacitada para chamar a atenção.

Assim, o Disney+ almeja que suas produções tenham o mesmo padrão da Globo. Em cima disso, ambas as empresas passaram a negociar para que o conglomerado americano contrate a emissora para ser uma espécie de produtora, tendo sempre a chancela da matriz. O acordo ainda não foi fechado.

Procurada pelo NaTelinha, as assessorias da Globo e do Disney+ não responderam aos questionamentos até a publicação desta reportagem. Caso haja retorno, a matéria será atualizada.


Postar um comentário

1 Comentários