Header Ads Widget

Agora

6/recent/ticker-posts

Biografia Remo Lupin


NASCIMENTO 10 de março de 1960
MORTE 2 de maio de 1998, Castelo de Hogwarts, Escócia
SANGUE Mestiço
ESTADO CIVIL Casado

ESPÉCIES Humana, Lobisomem
GÊNERO Masculino
CABELOS Castanho claro com mechas grisalhas

O Professor Remo Lupin (10 de março de 1960 – 2 de maio de 1998), também conhecido como Aluado, foi um bruxo [Mestiço licantropia durante sua infância. Ele frequentou a Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts e foi selecionado para a Grifinória. Durante seus anos de escola, ele foi um dos Marotos; e melhor amigo de Tiago Potter, Sirius Black, e Pedro Pettigrew. Juntos eles criaram o Mapa do Maroto. Depois de saírem de Hogwarts, Remo e seus amigos entraram na Ordem da Fênix e lutaram na Primeira Guerra Bruxa. Contudo, Pettigrew traiu Tiago e Lílian Potter para Lord Voldemort, por covardia. Remo perdeu todos os seus amigos próximos em várias maneiras ao fim da Primeira Guerra Bruxa, embora ele e Sirius Black depois tenham reatado sua amizade. Marauters Map.

Remo ensinou na Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts como Professor de Defesa Contra as Artes das Trevas durante o ano letivo de 1993 a 1994. Ele também foi um professor de Harry Potter, o filho de Tiago, a quem ensinou como produzir um Patrono, mas se demitiu após Severo Snape revelar a público que Remo era um lobisomem. Ele lutou contra os Comensais da Morte mais uma vez na Segunda Guerra Bruxa, na qual perdeu seu amigo Sirius. Em 1997, Remo se casou com a também membro da Ordem Ninfadora Tonks e tiveram um filho, Teddy Lupin. Remo lutou na Batalha de Hogwarts, durante a qual sua mulher foi morta por Belatriz Lestrange. Remo também foi morto por um Comensal da Morte, Antônio Dolohov, durante a mesma batalha em 1998. Contudo, ele brevemente apareceu através da Pedra da Ressurreição para Harry, junto Tiago, Lílian, e Sirius em 1998.

Infância


Remo nasceu em 10 de março de 1960,filho de Lyall Lupin e da Hope Howell. Pouco se sabe sobre sua vida antes da contaminação. Ainda pequeno, Remo foi mordido pelo lobisomem Fenrir Greyback após seu pai insultá-lo, e se tornou um lobisomem. Seus pais fizeram tudo o que podiam para encontrar uma cura para ele, mas não havia cura. Embora ele e seus pais não tivessem certeza da segurança de deixá-lo frequentar a Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts, o diretor, Alvo Dumbledore, não viu porque ele não poderia entrar na escola e o encorajou a se tornar um estudante.

Anos em Hogwarts


Remus frequentou Hogwarts de 1971 a 1978 e foi colocado na Grifinória. Para assegurar sua segurança e a segurança de seus colegas, Remo ia até a Casa dos Gritos uma vez por mês para se transformar para não atacar os outros alunos. Contudo, esta isolação o fez atacar a si mesmo por frustração. Esta e as transformações dolorosas mensais fez com que os moradores de Hogsmeade confundisse seus gritos com fantasmas violentos. Dumbledore, para manter a verdade deses barulhos em segredo, encorajou os boatos. Assim, a casa ganhou o nome de Casa dos Gritos, que ganhou a reputação de ser o lugar mais mal-assombrado da Grã-Bretanha.

Remo se tornou o melhor amigo dos grifinórios Tiago Potter, Sirius Black, e Pedro Pettigrew. Ele manteve seu estado de lobisomem em segredo de todos os alunos em Hogwarts, incluindo Tiago, Sirius, e Pedro, e inventou histórias para seus desaparecimentos mensais, como que sua mãe estava doente e que precisava ir para casa visitá-la. Ele ficou aterrorizado ao pensar que eles o deixariam se descobrissem o que ele era na verdade. Entretanto, Tiago, Sirius, e Pedro descobriram a verdade em seu segundo ano, e devido à sua aceitação de quem Remo era, e sua amizade incomumente forte com ele, eles decidiram aprender como se transformar em Animagos para fazer companhia a Remo durante suas transformações, já que um lobisomem só é perigo a humanos. Em seu quinto ano, Tiago pôde se transformar em um cervo, e Sirius pôde se transformar em um cão, animais grandes o suficiente para conter a forma de lobo de Remo. Pedro, enquanto isso, conseguiu se transformar em um rato. Uma vez por mês durante a lua cheia, Tiago, Sirius e Pedro sairiam do castelo sob a Capa da Invisibilidade de Tiago, se transformariam, passariam pelo Salgueiro Lutador, andariam pelo túnel com Remo na Casa dos Gritos. Sob sua influência, Lupin ficaria manso; seu corpo ainda era o de um lobo, mas sua mente ficaria menos na presença deles. Em pouco tempo os quatro saíram do Salgueiro Lutador e andaram pelos terrenos da escola e por Hogsmeade à noite. Eventualmente, este grupo de amigos passaram a se chamar de Marotos, e os amigos de Remo o chamaram de "Aluado" por causa de suas transformações durante cada lua cheia.

Remo foi um bom aluno e um transgressor ao mesmo tempo. Ele e Pedro Pettigrew às vezes cumpriam detenções com Tiago e Sirius, embora não entrasse em tanta encrenca quanto eles. É pouco provável muitos alunos de Hogwarts souberam tanto dos terrenos de Hogwarts e de Hogsmeade como fizeram Tiago, Sirius, Remo e Pedro. Eles usaram seu conhecimento da escola e arredores para escrever o Mapa do Maroto e o assinaram com seus apelidos. Infelizmente, o mapa acabou sendo confiscado por Argo Filch, mas foi recuperado por Fred e Jorge Weasley em seu primeiro ano.

Contudo, os desaparecimentos frequentes de Remo despertaram uma curiosidade doentia em Severo Snape, um aluno da Sonserina do mesmo ano de Remo. Por causa da inimizade de Severo em relação a Tiago e a Sirius, ele não gostou de Remo e Pedro por associação, o deixando com mais suspeitas ainda. Ele seguiu Tiago, Sirius, Remo, e Pedro para ver o que faziam e para fazê-los serem expulsos. No meio da sua educação em Hogwarts, Sirius fez uma pegadinha maliciosa com Snape contando a ele sobre a passagem do Salgueiro Lutador, esperando que ficasse aterrorizado ou até seriamente ferido com o que encontrasse no fim da passagem. Tiago, que odiava Snape, pôde parar Snape e salvar sua vida a tempo, mas Snape ainda assim descobriu o segredo de Remo ao vê-lo no fim da passagem.

Remo foi também um monitor monitor em Hogwarts, embora tenha tido problemas ao manter a disciplina com seus melhores amigos, ele disse que Dumbledore esperava que ele pudesse exercer um controle sobre eles como monitor. Sirius depois disse a Harry que Remo não era um idiota como seus amigos porque não era cruel com Snape. Mas Remo admitiu que se arrependia de nunca ter impedido a humilhação que Severo sofria.

Primeira Guerra Bruxa


Pouco após se formar de Hogwarts, Remo entrou na Ordem da Fênix junto com Tiago, Sirius, Pedro e Lílian Evans, enfrentando Lord Voldemort e seus Comensais da Morte. Remo não conseguiu achar emprego após se formar por causa de sua condição como lobisomem. (Como as pessoas saberiam instantaneamente de seu estado como lobisomem. É possível que haja uma lista de lobisomens conhecidos disponível no Ministério e que os funcionários a checam regularmente para certas coisas. Também é possível que ele informava os empregadores de sua condição.) Contudo, Tiago usou sua fortuna para ajudá-lo financeiramente, embora não se saiba como ele conseguiu se sustentar após a morte de Tiago.

Na altura da guerra, o amigo de Remo, Sirius Black começou a desconfiar dele, suspeitando de que ele talvez fosse um espião do outro lado. Assim, quando foi feita uma profecia sobre uma criança que teria o poder de derrotar o Lorde das Trevas, e Dumbledore identificou o bebê Harry Potter como um possível alvo, Remo não foi incluído no plano para manter os Potter a salvo, embora eles soubessem que estavam usando o Feitiço Fidelius. Tiago e Lílian Potter quis usar Sirius como o Fiel do Segredo, mas Sirius pensou que seria óbvio demais, e sugeriu que Pedro Pettigrew fosse o Fiel, o que seria uma estratégia muito imprevisível, já que Pettigrew não era conhecido por seu talento ou inteligência. Nem Dumbledore nem Lupin souberam desta troca.


Ordem da Fênix


Depois que Lord Voldemort recuperou seu corpo no cemitério de Little Hangleton e Harry narrou o que havia acontecido a Dumbledore, o diretor pediu que Sirius fosse avisar a Remo e a outros membros antigos da Ordem que Voldemort havia voltado. Ele recomendou que Sirius ficasse na casa de Remo por um tempo.

Remo foi um dos bruxos encarregados de buscar Harry na Rua dos Alfeneiros no verão de 1995, juntamente com Quim Shacklebolt, Tonks, Alastor Moody e outros. Remo visitava o Largo Grimmauld 12 freqüentemente, e ele ajudou a explicar a Harry, Rony e Hermione informações básicas sobre a Ordem da Fênix e as últimas ações de Voldemort.

Depois que Harry viu uma memória de Tiago duelando com Severo após os N.O.M.s de Defesa Contra as Artes das Trevas dos Marotos, ele usou a lareira do escritório de Dolores Umbridge para se comunicar com Largo Grimmauld 12. Ele conversou sobre a personalidade de Tiago com Sirius e Remo, que tentaram fazer Harry entender que Tiago havia amadurecido muito depois daquele incidente.

Quando Harry avisou a Snape que Sirius estava (supostamente) sendo torturado por Voldemort no Departamento de Mistérios, Severo entrou imediatamente em contato com o Largo Grimmauld 12; lá estavam Remo, Moody, Tonks e Shacklebolt, que se apresentaram como voluntários para ir a Ministério da Magia ajudar a Harry e os outros membros da Armada de Dumbledore a lutar contra os Comensais da Morte. Sirius insistiu em acompanhá-los, e acabou morrendo na batalha.

Remo teve que segurar Harry para impedi-lo de ir até o véu onde Sirius havia morrido. Harry então decidiu perseguir Belatriz Lestrange, que havia assassinado seu padrinho.

Ninfadora Tonks se apaixonou por Remo pouco tempo depois, mas ele se recusou a manter um relacionamento com ela, devido ao fato de ser um lobisomem, pobre demais e simplesmente indesejável. Tonks ficou deprimida o ano todo; seu Patrono até mudou para uma forma quadrúpede e provavelmente lupina.

Quando, na Batalha da Torre de Astronomia, Fenrir Greyback desfigurou o rosto de Gui Weasley, Fleur Delacour afirmou, na presença de diversos membros da Ordem, que pretendia se casar com Gui apesar disso. Tonks se aproveitou da oportunidade para reiterar seu amor por Remo, e ele finalmente aceitou ficar com ela.


Casamento


Em julho de 1997, Remo se casou com Ninfadora Tonks. Os pais dela, Andrômeda Tonks e Ted Tonks, não reagiram bem à notícia . Remo se sentiu culpado pelo casamento, e se arrependeu de ter tornado a mulher uma pária na sociedade bruxa.

Quando Ninfadora engravidou, ele se desesperou, e tentou convencer Harry Potter, Rony Weasley e Hermione Granger a deixá-lo acompanhar o trio na busca por Horcruxes. Harry negou o pedido de Remo após saber da gravidez de Ninfadora, advertindo-o quanto a abandonar o filho nascituro sem necessidade. Remo parece ter se reaproximado da esposa depois disso, e ficou extremamente feliz com o nascimento de Ted Lupin. Ele escolheu Harry para ser padrinho do menino.


Morte


Remo lutou na Batalha de Hogwarts; tanto ele quanto sua esposa lá morreram. Segundo informações divulgadas por Rowling num chat da Bloomsbury em 30 de julho de 2007, Remo foi morto pelo Comensal da Morte Antônio Dolohov.


Postar um comentário

0 Comentários